LATAM TRADE

Nosso canal exclusivo de informação ao agente de viagem.
Compra Antecipada de Bagagem

Voos nacionais

A partir de 8/8/2017, as agências de viagens também estão habilitadas para a venda do serviço de Bagagem Extra em nossos voos nacionais no Brasil, diretamente em seus Sistemas de Distribuição (GDS), através do formulário EMD-A.

Confira abaixo as condições gerais do serviço e acesse nosso treinamento on-line.

Perfis de Tarifas e Valores

Agora é possível escolher quantas bagagens levar em viagens domésticas pelo Brasil, Chile e Peru.
Pode-se adquirir bagagem ao comprar a passagem, ao fazer o Check-in ou nas lojas LATAM.

Para mais detalhes sobre Venda de Bagagem em Agências de Viagens, acesse este link.

Caso a passagem tenha sido comprada para viajar pelo Brasil antes do dia 24 de junho, pelo Chile antes do dia 20 de maio, e pelo Peru antes do dia 10 de junho, será mantida a regra de bagagem aplicada na data da compra, e será permitido transportar bagagem despachada.

Passagens compradas para viajar pelo Brasil, Chile e Peru após as datas apresentadas acima, terão as seguintes regras:

  • Tarifa Promo e Light: não incluem bagagem despachada, mas você poderá compra-la sempre que necessitar.
  • Tarifa Plus: permite o transporte de 1 bagagem sem custo.
  • Tarifa Top: permite o transporte de 2 bagagens sem custo.

Além disso, os clientes LATAM Fidelidade Black, Black Signature e Platinum podem levar uma bagagem adicional, de até 23kg, independente da tarifa que comprem.

Também será permitido viajar apenas com a bagagem de mão, desde que não exceda a medidas permitidas de tamanho e peso.

Conheça os preços das bagagens

Os passageiros podem economizar comprando a bagagem até 3 horas antes do voo através dos canais digitais da LATAM, com valores inferiores aos cobrados no aeroporto.

 

Importante: lembramos que a franquia de bagagem despachada para passageiros com bilhetes emitidos antes de 24/6 permanece inalterada.

Para incluir bagagem via LATAM.com, clique aqui.

Voos para Ilha de Páscoa

Você pode levar gratuitamente 2 peças de até 23 quilos cada uma na cabine Economy, e 3 peças de 23 quilos cada na cabine Premium Business ou Premium Economy. Se quiser levar uma bagagem adicional, terá que pagar $40.000.

 

Condições Gerais
  • Permite reembolso dos volumes adicionais apenas quando pedir o reembolso da passagem que está vinculado a ele, e desde que o perfil da tarifa permita;
  • Somente é permitido alterar o serviço para outro voo quando a passagem que está vinculada a ele é alterada. Verifique se o perfil da tarifa permite remarcação;
  • O serviço está disponível apenas para clientes com reservas em voos operados pela LATAM Airlines Brasil (JJ) e, no caso de voos que não tenham conexões com outras companhias, cada passageiro pode comprar até 3 peças na agência de viagens. Compras superiores a três volumes deverão ser realizadas via canais diretos, de acordo com as regras estabelecidas;
  • A compra do volume adicional não anula o direito de transportar bagagem adicional de acordo com o perfil da tarifa, seja comprada ou resgatada como benefício LATAM Fidelidade;
  • A tarifa varia de acordo com as regras de cada país;
  • Este serviço é intransferível;
  • Caso não utilize o serviço, ele será perdido.
Canais de Atendimento LATAM (Assistência a agências prorrogada)

Lembramos que  desde 8/8/2017, as agências de viagens também estão habilitadas para a venda do serviço de Bagagem Extra em nossos voos nacionais no Brasil, diretamente em seus Sistemas de Distribuição (GDS), através do formulário EMD-A. No entanto, identificamos que nem todos os GDS finalizaram o desenvolvimento de suas aplicações, portanto, de maneira excepcional e temporária, prorrogamos a assistência às agências de viagens por meio de nossos canais diretos de atendimento ao passageiro, de forma que possam também oferecer a compra antecipada de bagagem com desconto.

Caso o cliente compre um bilhete em uma agência de viagens e queira adquirir a bagagem adicional com o valor promocional (R$ 30,00), deverá entrar em contato com o Call Center LATAM ou ir a uma loja de aeroporto para adquirir o serviço no mesmo dia (até as 23h59) da emissão do bilhete.

IMPORTANTE:
Recomendamos que reforcem a informação junto aos seus desenvolvedores de sistemas, pois, em breve, estes recursos serão desabilitados (informaremos oportunamente).

 

Considerações sobre o Serviço
  • Será habilitada a venda de malas extras (até 23 kg) nos mercados 100 % domésticos do Brasil através dos sistemas de distribuição.
  • Ao realizar a venda deste serviço, é preciso informar todas as condições de venda, alterações e reembolso ao passageiro. Para mais detalhes, acesse a página de Bagagem, no LATAM Trade.
  • Adicionalmente, será preciso considerar:

1) Os passageiros que desejem adquirir malas adicionais (além de sua franquia) devem ter um bilhete emitido, ou emitir o EMD-A junto com o bilhete.

2) As alterações de data, voo ou rota deverão ser processadas pelos agentes de viagens de acordo com a política de reemissão do bilhete vigente. Após processar a reemissão do bilhete do bilhete, será preciso finalizar o processo de regularização do EMD-A, entrando em contato com o se suporte local (no Brasil, Núcleo de Negócios).

É imprescindível seguir estes passos para não gerar impactos na entrega do serviço ao passageiro.

3) Os reembolsos deverão ser processados de acordo com a política vigente em cada país.

Emissão com EMD-A
  • A emissão interline ainda não está ativada, o que significa que não se pode emitir um EMD-A em itinerários de codeshare, nem com bilhetes emitidos em outros formulários ainda que em voos JJ
  • O EMD-A deve ser emitido no mesmo formulário da emissão do bilhete original (disponível em bilhetes de formulários emitidos em 957), de acordo com os seguintes conceitos:
  • A venda de malas via EMD-A não é comissionável para o POS Brasil.
  • As agências de viagens poderão emitir até 3 malas, caso o cliente queira adquirir a partir da 4ª mala o cliente deverá ser realizadas via canais diretos, de acordo com as regras estabelecidas.
  • Os preços para cada produto estão disponíveis através ATPCO e estão disponibilizado, de acordo com o produto requerido. Não estão permitidas tarifações manuais.
Manuais Venda e Reemissão BAG

Para consultar os manuais e-TAM, clique nos links abaixo:

 

Emissão

 

Reemissão 

 

Para usuários de outros GDS (Amadeus, Sabre, Travel Port), favor consultar seu Help Desk. 

Excesso de Bagagem
  • Nos casos de reemissão (voluntária e involuntária), o EMD-A deve ser reemitido pelo canal emissor, ou seja a agência deve realizar a reemissão do EMD-A que emitiu. Para casos em que haja restrições no sistema, consulte a sua área de suporte de agências local (no Brasil, núcleo de negócios), para que este realize a reemissão.
  • A emissão destes documentos será auditada pela LATAM. Toda irregularidade estará sujeita à emissão de ADM, correspondente a 100% do valor do EMD.
    Saiba mais sobre nossa Política de ADM.
  • Alterações e reembolso involuntário:  Antes de solicitar o reembolso ou alteração involuntária  de mala extra, será preciso revisar o histórico da reserva, para verificar a mudança de itinerário ou cancelamento do voo.

 

 

Alterações Voluntárias

Alterações de data ou de voo para o serviço de mala somente são permitidas em conjunto com a remarcação do bilhete que está associado ao serviço. Portanto, para verificar se é possível remarcar o EMD-A, você deve consultar a regra de tarifa do bilhete.

A reemissão deverá ser feita através do GDS emissor, caso haja alguma restrição sistêmica a agência deverá solicitar assistência a sua área de suporte de agências local (no Brasil, núcleo de negócios) para processar a reemissão do EMD-A. A omissão deste passo terá impacto na entrega do serviço ao passageiro. 

 

Reembolso Voluntário

O reembolso de malas extras seguirá a mesma regra de tarifa do bilhete, ou seja, poderá ser realizado sempre que for solicitado junto com o reembolso do bilhete, antes ou após o horário do voo original (de acordo com a regra da tarifa).

Para solicitações de reembolso de malas é preciso primeiro alterar o status do EMD-A para “Refund” (R) e em seguida mudar o status dos cupons do bilhete para “Refund” (R).

Cancelamento/Estorno

Exceção Cancelamento sem Ônus BR para malas JJ:

Por restrições legais estabelecidas no Brasil pela Resolução 400 é permitido o cancelamento da viagem:

  • O cancelamento/estorno de malas , irá seguir a regra de cancelamento sem ônus, desde que o cliente solicite o cancelamento junto com o bilhete.  
    Exemplo: o cliente comprou o bilhete no dia 18 de julho de 2017, no dia 22 de julho, adquiriu uma mala extra, porém se arrependeu e contatou a LATAM solicitando o cancelamento e estorno apenas deste EMD-A. Neste caso o cliente poderia estornar o serviço de mala, somente se fosse solicitado junto com o bilhete, respeitando as regras de aplicação do cancelamento sem ônus.
Contingências

Deverão ser aplicadas as regras da Política de Proteção de Passageiros, onde é permitida alteração e reembolso involuntário.

Treinamento on-line
Acesse o treinamento on-line elaborado especialmente para você, agente de viagem. Seu primeiro acesso? Basta clicar no botão abaixo e informar: Login: CPF (Sem pontos nem hífen) Senha: 123 (poderá alterá-la de acordo com sua preferência) Acesse o Club LATAM  Passo a Passo