LATAM TRADE

Nosso canal exclusivo de informação ao agente de viagem.
Itens Restritos
Animais, plantas e derivados

O Ministério da agricultura, pecuária e abastecimento proíbe a entrada em território brasileiro de qualquer animal, vegetal (inclusive alimentos), sementes, produtos veterinários ou agrotóxicos, sem autorização de importação e certificação sanitária ou fitossanitária.

Esta proibição visa impedir a introdução de pragas vegetais e agentes de doenças animais que possam comprometer a sanidade e a produção agropecuária do Brasil.

Armas de fogo

Serão consideradas armas de fogo qualquer objeto com capacidade (ou aparentando) de disparar projéteis.

O passageiro pode levar armas de fogo como bagagem despachada desde que sejam declaradas e que estejam descarregadas.

Em descumprimento destas determinações, poderá incorrer em infrações às regulamentações da aviação civil.

  • No Brasil, em função da lei local, armas de fogo devem ser transportadas em recipientes especiais.

Em viagens que envolvam outras companhias aéreas é preciso entrar e contato com a outra empresa para informações a respeito das condições e regulamentações sobre este tipo de transporte. Em viagens com conexões com a American Airlines o transporte de armas de fogo não está permitido devido a restrições da empresa.

Cigarros eletrônicos

De acordo com as normas de aviação civil brasileira, determinadas pela ANAC, o transporte de cigarros eletrônicos em bagagem despachada é proibido. Este transporte deve ocorrer na bagagem de mão e não podem ser utilizados à bordo da aeronave.

Compras no Duty Free (Free Shop)

A compra de produtos de Duty Free em caso de voos com escala ou conexão, somente pode ocorrer no aeroporto de destino final, ou à bordo da última aeronave.

Clientes que tenham conexão na Europa ou nos Estados Unidos, podem comprar em qualquer trecho da viagem ou a bordo do avião. Mas é importante que mantenha o recibo da compra, que deve acompanhar os produtos comprados em uma sacola transparente, selada e com número de série. O recibo é usado para comprovar que a compra foi feita em um período não superior às 48 horas antes do voo.

Na América do Norte, o transporte de líquidos acima de 100 ml, mesmo quando adquiridos no Duty Free, só podem ser feitos quando estiverem em embalagens transparentes, translúcidas ou coloridas. Embalagens metálicas ou opacas só poderão ser transportadas no compartimento de carga como bagagem despachada.

Elementos Perigosos

Por segurança, não é permitido levar em todos os voos LATAM itens como:

  • Líquidos inflamáveis
  • Alvejantes
  • Explosivos
  • Venenos
  • Ácidos
  • Skates elétricos (hoverboards, monociclos, mini-segways etc.) alimentados com baterias de íons de lítio
  • Isqueiros

Caso o cliente leve algum desses itens sem declarar, poderá incorrer em infração às regulamentações da aviação civil.

Os itens abaixo não podem ser levados como bagagem de mão, devendo ser despachados:

  • Armas de fogo
  • Líquidos (acima de 100 ml)
  • Géis (acima de 100 ml)
  • Aerossóis (acima de 100 ml)
  • Objetos cortantes (facas, lixas, cortadores de unhas, barbeadores, ferramentas ou pinças).
Líquidos, Géis e Aerossóis

O transporte de líquidos como aerossóis, perfumes, géis, cremes, desodorantes em bastão, lápis labial ou pastas de dentes à bordo pode ser realizado desde que estejam em recipientes individuais de até 100 ml cada, acomodados em uma bolsa transparente com sistema de abertura e fechamento, que permita verificar seu conteúdo e contenha no máximo 1 litro. Apenas uma bolsa é permitida por passageiro.

O transporte de líquidos com mais de 100 ml é permitido apenas nos seguintes casos:

  • Remédios: com as receitas médicas que certifiquem a necessidade de uso durante sua viagem, considerando as horas de voo e conexões.
  • Alimentos Infantis: sempre que o passageiro estiver viajando com bebês ou crianças.
  • Alimentos Dietéticos: para o uso durante o voo e em quantidade condizente com o tempo de duração da viagem. Nesse caso, é possível que o cliente tenha que comprovar a necessidade.

Alguns países têm restrições relacionadas aos líquidos que podem ser levados a bordo.

Garrafas de bebida alcoólica

Em viagens dentro do Brasil, você pode transportar na cabine até 5 garrafas de 1 litro cada. Não há restrições de quantidade para levar bebidas no compartimento de carga, mas se o peso ultrapassar o limite permitido de bagagem, você deverá pagar pelo excesso.

Em viagens internacionais, devido à restrição de transporte de líquidos na cabine, é permitido levar a bordo 10 frascos de até 100 ml contendo bebida alcoólica. Você pode despachar até 24 garrafas, até 12 delas sendo do mesmo tipo.

Para fazer o transporte, utilize caixas e embale as garrafas para que não quebrem. As bebidas não podem ter teor de álcool acima de 70%.

Bebidas compradas no Duty Free podem ser levadas na cabine se tiverem sido compradas até 48 horas antes da viagem. As garrafas devem estar dentro de uma sacola plástica e acompanhadas pelo recibo da compra.