LATAM TRADE

Nosso canal exclusivo de informação ao agente de viagem.
Cadeiras de rodas
  • A antecedência mínima de solicitação é de 48 horas.
  • O passageiro que embarca com cadeiras de rodas será alocado nos assentos da primeira fileira de cada classe.
  • O assento será reservado somente no check-in presencial com a correta antecedência.
  • O passageiro em cadeira de rodas será o primeiro a embarcar e o último a desembarcar.
  • Em alguns casos, é utilizado o ambulift para embarque e desembarque de pessoas da aeronave.
  • Há uma cadeira de rodas disponível em cada aeronave.
  • Em casos pós-operatórios deverá ser solicitado atestado médico (MEDIF) autorizando viagem em cabine pressurizada.

 

Aceitação de cadeira de rodas Motorizadas
  • A cadeira de rodas motorizada pode ser de bateria seca, gel, ou derramável.
  • Cadeira de rodas com bateria seca (WCBD): deverá ser aceita e ser despachada sem a necessidade de retirar a bateria da cadeira de rodas. Deverá ser despachada no porão sem desmontar, não havendo necessidade da caixa.
  • Cadeira de rodas com bateria gel: deverá ser aceita conforme a regulamentação em que não há a necessidade de retirar a bateria da cadeira de rodas. O procedimento ideal é acomodar a cadeira de rodas em posição vertical e isolar seus terminais.
  • Cadeira de rodas com bateria derramável (WCBW): atendendo exigência da ANAC, desde 22 de fevereiro de 2012, a TAM aceitará o transporte de cadeira de rodas com bateria derramável em todos os voos nacionais. Não há limite de máximo de aceitação de cadeiras por voo.
  • Cadeira de rodas manual do próprio passageiro (WCMP): permite melhorar a experiência de passageiros que viajam com suas cadeiras manuais próximas , pois o código permite que o embarque e o desembarque seja agilizado no compartimento de carga.

Orientações para WCBW:

1) Utilizar o código WCWB para solicitar o serviço;

2) Não há tempo mínimo para a solicitação;

3) Por se tratar de material corrosivo, no momento do check-in a bateria será removida e transportada em uma caixa apropriada;

4) O passageiro deverá fornecer instruções de como desconectá-la;

5) Caso haja necessidade de alguma ferramenta específica para retirar a bateria, o passageiro deve levá-la consigo;

6) Se possível, comparecer com 2 horas de antecedência para que os tramites possam ser efetuados com cautela;

7) No desembarque, um agente auxiliará na conexão da bateria.

Para a visualização de como fazer a solicitação de cadeiras de rodas, clique aqui.