LATAM TRADE

Nosso canal exclusivo de informação ao agente de viagem.
e-LATAM

Além de todas as mudanças previstas, a Experiência Única LATAM também contempla a mudança da plataforma de conexão direta e-TAM para o novo e-LATAM, que além de manter as funcionalidades atuais também contempla algumas novidades.

Fique sempre atento às nossas comunicações, frequentemente atualizadas neste site.

Consulte mais abaixo Perguntas e Respostas exclusivas sobre o e-LATAM e a Experiência Única.

Instalação do e-LATAM

Nossa aplicação é compatível com as principais versões do Windows, não requer licença para instalação e não há custo de certificação, além da possibilidade de e-LATAM e GDS no mesmo computador.

  • Para uma instalação mais segura e rápida, sugerimos:
  • Seja realizada pelo técnico de TI da agência ou profissional capacitado;
  • Antes de iniciar a instalação atualize o módulo de segurança dos bancos;
  • Sempre instalar os programas como Administrador do equipamento;
  • Seguir a ordem de instalação mencionada no “Manual de instalação” para não comprometer a funcionalidade das aplicações.

Ainda não tem o e-LATAM na sua agência ou precisa instalar em mais máquinas?

Temos uma equipe de Suporte especializada que poderá lhe ajudar.

Suporte e-LATAM: 0300 772 9696 (opções 1 e 1)
e-mail: suporte.backoffice@tam.com.br
Atendimento de segunda a sexta Feira das 9h00 às 18h30

Treinamento on-line

Para melhorar e facilitar as solicitações de usuários na plataforma de treinamento LATAM, solicitamos que preencham este formulário.As solicitações serão atendidas via formulário e não mais por e-mail.

Após recebimento do seu e-mail, acesse a plataforma de treinamento através do link abaixo. Caso seja membro do Club LATAM e nunca acessou a plataforma, gentileza tente acessar por cpf e senha 123. Caso não consiga acessar, favor preencher o formulário.

Acesse o Treinamento

Passo a Passo

Para reset de senha entre em contato com Núcleo de Negócios.

Solicitações de usuário e-LATAM

Para receber o usuário e-Latam correspondente ao atual é necessário acessar o link que está no comunicado enviado em 15/01/2018. Clique aqui para acessar.

Atenção: as letras do usuário e-TAM devem ser preenchidas em letra maiúscula

Solicitações de usuário JUMP

As agências que acessam o e-Tam através de outra plataforma (via jump) não tiveram seu usuário replicado na nossa base de dados.

É necessário solicitar a criação do usuário eLATAM. Para isso, faça o download da nova planilha e envie para usuarios.etam@tam.com.br para providenciarmos a criação antes da virada.

Acordos Comerciais – Account Code

Com o e-LATAM os acordos comerciais existentes não serão alterados, no momento da precificação você deverá inserir seu código coorporativo alfanumérico ou alfabético.

Acordos numéricos não são elegíveis na nova plataforma.

Finanças

Lembramos que o e-FAT não será alterado e os acessos permanecem os mesmos.

O processo de faturamento continuará por decêndio de acordo com calendário COPET.
Haverá duas faturas separadas pela placa de emissão 957 e 045.

Atenção: durante o período de Drain Down, de 02/02/2018 a 11/05/2018, as novas emissões no e-LATAM serão faturadas na placa 045, e os incentivos serão pagos no faturamento da placa 957.

Incentivos fixo (up front): os percentuais permanecem inalterados, e a agencia receberá um relatório de controle para melhor conferência, entregue por seu executivo de contas.
Os canais para envio de notas fiscais e suporte não sofrerão alterações.

Incentivos variáveis: a apuração e prazos para divulgações não sofrerão alterações.
O fluxo de solicitação Lei Kandir permanece inalterado, porém, deve ser feito separadamente uma para 957 e outro para 045, os demais fluxos não alteram.

Para o envio de Notas fiscais e canais de suporte não sofrerão alterações.

Filas

Reforçamos que em breve nosso sistema de vendas será alterado de e-TAM (Amadeus) para e-LATAM (Sabre) e as reservas passarão pelo processo de migração de sistema, com isso é de extrema importância que suas Filas e-TAM sejam tratadas antes da virada, que ocorrerá em 02/02/2017.

Esta ação possibilitará que as reservas que forem migradas passem por completo pelo fluxo automático de reemissão involuntária.

Caso necessite de auxílio para manipular suas Filas contate o Suporte Núcleo de Negócios.

Reembolso

As solicitações de reembolso também passam por mudanças, agora você terá uma única plataforma para enviar seus pedidos de reembolso e de forma online.

Lembre-se que para pedir o reembolso é necessário possuir o número do bilhete, código de reserva e número do IATA emissor do bilhete.

Acesse a plataforma de Reembolso neste link ou por meio do e-LATAM em Web Links na opção Reembolso.

Configuração de Impressoras e-LATAM

Agora que as suas vendas por meio da nova plataforma e-LATAM foram iniciadas, é preciso configurar uma impressora virtual.

Essa configuração é simples de ser realizada e NÃO requer auxílio de um técnico especialista. Além disso, deverá ser executada sempre que o usuário assinar o e-LATAM, para que as emissões de bilhetes sejam realizadas normalmente.


Quais dados são necessários para assinar uma impressora virtual?

Endereço de impressora: *ETKT*
Rotina de impressora: 2A
Duty code: 4

Atenção: os dados informados acima são de uso exclusivo na plataforma e-LATAM, não se aplica para GDS.

> Como assinar a impressora?

Ao iniciar o sistema, insira seus dados de usuário como:

Número de usuário (EPR)
Senha
Sufixo
Duty Code
Marque a opção: Assinar Impressora

Clique em OK

Em seguida vamos assinar a impressora virtual:

Selecione: Associar Impressora(s)
Selecione: Endereço de impressora de Tkt
Preencha o campo Endereço de Impressora com: *ETKT*
Preencha: Tipo de rotina de Impressora TKT: 2A
Marque a opção: Salvar como padrão para que as informações preenchidas fiquem gravadas para os próximos acessos.

Clique em OK:


 

Serviços Adicionais (para voos após 11/5)

Os Serviços Adicionais podem ser adquiridos com um custo adicional.

Estão disponíveis para vendas no e-LATAM para voos com embarque depois de 11/05/2018.

As emissões são feitas através de um bilhete EMD-A - Eletronic Miscellaneous Document e requer um bilhete eletrônico para associação do segmento que corresponde o serviço solicitado.

A solicitação de serviço pago deve respeitar as políticas e os procedimentos determinados pela LATAM.

Reforçamos que a venda dos Serviços Adicionais somente poderá ser finalizada após a confirmação do serviço-SSR.

Os serviços disponíveis para eLATAM são:

  • Espaço+
  • Menor desacompanhado - UMNR
  • Animal vivo na cabine - PETC
  • Primeira Bagagem
  • Berço – BSTC

Como solicitar os serviços:

Espaço+: com a reserva finalizada e bilhete eletrônico emitido abra o mapa de assentos e selecione o que deseja, neste momento o e-LATAM criará o elemento de serviço pago (AE) com o valor correspondente a ser cobrado -> insira a forma de pagamento e conclua a emissão do bilhete EMD-A.

Menor desacompanhado – UMNR: na reserva do menor é necessário inserir SSR UMNR com as informações de nome, grau de parentesco e telefone dos responsáveis que irá embarcá-lo e desembarcá-lo, além da idade do menor.

Finalize a reserva para que seja enviada para fila automaticamente e aguarde confirmação.

Após a inserção e confirmação do SSR: selecione serviço pago -> na lista de serviços selecione menor desacompanhado -> adicione o item -> os valores serão carregados automaticamente de acordo com o itinerário da viagem -> insira a forma de pagamento e conclua a emissão do bilhete EMD-A.

Animal vivo na cabine – PETC: na reserva adicione o SSR PETC Animal na Cabine -> selecione o passageiro responsável e segmento que deseja solicitar o serviço -> insira tipo de animal, peso total (animal + kennel), raça, idade do animal e medidas do kennel:

Ex.: SR PETC 01 DOG 7 KG POODLE 3 YEARS AND 5 MONTHS HARD 36X33X23

É necessário inserir o SSR CKIN -> selecione o passageiro e segmento de voo (informação de texto NEW PROCESS PETC).

Finalize a reserva para que seja enviada para fila automaticamente e aguarde confirmação.

Após a inserção e confirmação do SSR: selecione serviços pagos -> na lista se serviços selecione PETC -> adicione o item -> os valores serão carregados automaticamente de acordo com o itinerário da viagem -> insira a forma de pagamento e conclua a emissão do bilhete EMD-A.

Primeira Bagagem: com a reserva finalizada e bilhete eletrônico emitido, selecione serviços pagos -> na lista se serviços selecione primeira bagagem ou segunda bagagem, de acordo com a necessidade do cliente -> adicione o item, os valores serão carregados automaticamente de acordo com o itinerário da viagem -> insira a forma de pagamento e conclua a emissão do bilhete EMD-A.

Berço – BSTC: com a reserva finalizada e bilhete eletrônico emitido, adicione o SSR BSTC selecionando o passageiro responsável e segmento que deseja solicitar o serviço -> finalize a reserva para que seja enviada para fila automaticamente e aguarde confirmação .

Após a inserção e confirmação do SSR: abra o mapa de assentos e selecione o assento indicado para a solicitação de berço, neste momento o eLATAM criará o elemento de serviço pago (AE) com o valor correspondente a ser cobrado -> insira a forma de pagamento e conclua a emissão do bilhete EMD-A.

 

Cobrança de Penalidade por alteração de bilhetes

Em um processo de reemissão voluntária de bilhete é possível que haja a cobrança de penalidade de acordo com a regra da tarifa, no e-LATAM esta cobrança não será mais realizada através de um documento de EMD - Eletronic Miscellaneous Document, o valor da penalidade será adicionado dentro do bilhete no campo Taxas: FEE, ele será somado aos valores adicionais referente a alteração, como por exemplo: diferença de tarifa e diferença de taxas.

 

Perguntas e Respostas e-LATAM / Experiência Única

  1. O que significa Single Code?

É o modelo de comercialização de voos, com a finalidade de simplificar a administração dos voos publicados, a LATAM optou em adotar o modelo de Código Único, onde o código de publicação referencial na indústria será LA, com exceção os voos entre Brasil e Estados Unidos permanecem como JJ.


  1. O que é C1?

É o cutover comercial, quando toda a força de vendas começa a utilizar Sabre/eLATAM, e os sistemas LATAM.


  1. O que é C2?

Corresponde ao início da operação completa da companhia com Sabre posterior a C1 e DDP. Neste período migram todos os PNRs e Tickets que ainda estão em Amadeus/eTAM.


  1. O que é Drain Down Period?

DDP corresponde ao período em que conviveremos com ambos os sistemas utilizados pela companhia, Amadeus/eTAM e Sabre/LATAM, isso dependerá da data da viagem do passageiro.


  1. Qual estratégia de migração do sistema?

A estratégia adotada recebe o nome de “Drain Down” e tem como objetivo minimizar os impactos ao cliente, pois esta estratégia ocorre em dois momentos:

  • Cutover 1 (C1) – Virada Comercial em 02/02/2018, o que acontece?
  • O sistema de vendas eLATAM será ativado.
  • Publicação dos voos depois de 11/05/2018 como LA.
  • Irá ocorrer um grande schedule change na reservas com voos JJ que passarão para LA com embarque depois de 11/05/2018, com exceção os voos direto entre Brasil e Estados Unidos.
  • Todas as reservas que possuírem ao menos um segmento de voo com data depois de 11/05/2018 serão migradas, com exceção os voos direto entre Brasil e Estados Unidos.
  • Cutover 2 (C2) – Virada Operacional em 11/05/2018
  • Os sistemas de aeroportos serão ativados.
  • Os bilhetes 957 serão migrados.
  • Operação dos novos voos LA.
  • As reservas que possuírem voos diretos para os Estados Unidos serão migradas.

  1. Qual a placa de emissão será usado no eLATAM?

Durante o DDP todas as emissões no eLATAM serão geradas com placa 045, quando chegar C2 as emissões passão a ser com placa 957. 


  1. Quando chegar em C2, o que acontece com os bilhetes gerados no eLATAM com placa 045?

Nada, as emissões já nasceram no Sabre e permanecerão como 045, sem a necessidade de reemissão.


  1. Como as agencias saberão quais reservas foram migradas?

Todas as reservas migradas serão enviadas para fila 499 da agência responsável pela reserva.


  1. O que é o eLATAM?

Sistema desenvolvido pelo Sabre que irá substituir o atual sistema de vendas eTAM usados pelas agências de viagens do Brasil.


  1. Quem poderá usar o eLATAM?

Todas as agências de viagens do Brasil, incluindo LATAM Travel, que possuem permissão de vendas do Grupo LATAM.


  1. Como as agências podem solicitar a instalação do eLATAM?

Devem contatar o suporte as agencias Núcleo de Negócios.


  1. Quem possui eTAM instalado precisa desinstalar para instalar o eLATAM?

Não, ambos os sistemas funcionaram simultaneamente durante o Drain Down Period.


  1. Os usuários que já possuem acesso ao eTAM precisam solicitar novos usuários para acessarem o eLATAM?

Não, esses usuários já foram criados pela LATAM e entregues através do portal conforme comunicado enviado. Mais informações disponíveis no LATAM Trade.


  1. Como as agencias recebem os novos usuários e senhas de acesso ao eLATAM?

Para os usuários que possuem acesso ao eTAM, a LATAM realizou a criação de novos usuários para acessarem o eLATAM.

Para os usuários que não possuem usuários criados no eTAM devem enviar o pedido de Criação de usuários para o suporte as agencias Núcleo de Negócios.

Mais informações disponíveis no LATAM Trade.


  1. Quem possui o sistema Sabre GDS conseguirá instalar o eLATAM na mesma máquina?

Sim, ambos os sistema funcionam simultaneamente na mesma máquina.


  1. Para as agências que possuem acordos comerciais, o que muda?

Nada, serão mantidos os mesmos acordos comerciais.


  1. O eLATAM aceitará todos os códigos corporativos na precificação?

Todos os acordos vigentes entre a agencia e a LATAM serão mantidos, no ato da precificação o eLATAM aceitará os códigos de acordo alfanumérico e alfabéticos.


  1. O eLATAM permitirá venda de voos de outras cias?

Sim, desde que possua pelo menos uma voo do Grupo LATAM.


  1. Será possível a venda de Ancillary (serviços pagos) através do eLATAM?

Sim, a plataforma está habilitada para a venda de Ancillary.


  1. Quais Ancillaries as agências poderão vender no eLATAM?

Os Ancillaries disponíveis para vendas através das agências são: Bagagem, Espaço +, Berço, Animal vivo na cabine e Menor desacompanhado.


  1. O eLATAM emitirá EMD?

Sim, existem dois tipos de EMD: EMD-A usado nas emissões dos Ancillaries e o EMD-S usados para gerar crédito a favor do passageiro em um processo de reemissão.


  1. As reservas criadas no eTAM poderão ser visualizadas no eLATAM?

Somente as reservas que passaram pelo processo de migração estarão disponíveis para consulta no eLATAM.


  1. Os bilhetes emitidos no eTAM com placa 957 poderão ser reemitidos no eLATAM durante o DDP?

Sim, todos os bilhetes poderão ser reemitidos no eLATAM e durante o DDP serão gerados com placa 045.


  1. É possível emitir um bilhete no eLATAM de uma criada no eTAM?

Somente será possível esta emissão se a reserva passou pelo processo de migração.


  1. Quais as formas de pagamento disponíveis no eLATAM?

Estão disponíveis pagamento Faturado, Cartão de Crédito e as combinações entre as duas. 


  1. É possível parcelar através do cartão de crédito no eLATAM?

Sim, os parcelamentos estão habilitados sem cobrança de juros e com cobrança de juros, de acordo com a política da LATAM.


  1. Como será a forma de pagamento Órgão do Governo no eLATAM?

Esta modalidade deixa de existir no eLATAM como forma pagamento e passa a ser um vínculo entre o tipo de passageiro “Governamental” e a forma de pagamento Faturado.

No ato da criação da reserva ao inserir o nome do passageiro é necessário indicar o tipo de passageiro “Governamental” e ao inserir o pagamento selecionar “Faturado”.


  1. O eLATAM processará remissões de bilhetes de forma automática?

Sim, será possível em um processo de reemissão de bilhete o eLATAM apresenta o cálculo de forma automática.


  1. Como serão as cobranças de penalidade por alteração de bilhete no eLATAM?

Quando em um processo de reemissão for necessário cobrar a penalidade por alterações, esta cobrança será acrescentada dentro do bilhete no campo Taxas FEE. O eLATAM não emite EMD de penalidade.


  1. As reservas que sofrerem alterações involuntárias serão enviadas para fila?

Sim, todas as reservas que sofrerem alterações involuntárias serão enviadas para a fila 499 da agencia responsável.


  1. Como serão as remissões involuntárias no eLATAM?

O processo de reemissão involuntária no eLATAM será de forma automática, executada pela agência responsável pelo bilhete.


  1. Como as agências serão capacitadas para usar o eLATAM?

Foram desenvolvidos treinamentos online e disponibilizados para todas as agências.


  1. Como faço para ter acesso aos cursos online do eLATAM?

O próprio usuários deverá preencher o formulário de solicitação conforme comunicado enviado, disponível no LATAM Trade.


  1. Os cursos online do eLATAM são obrigatórios?

Não, a capacitação é opcional, mas trata-se de uma nova plataforma de vendas e os cursos auxiliaram no conhecimento e domínio desta plataforma.


  1. Haverão avaliações após a conclusão do curso online do eLATAM?

Não, os cursos são instrutivos e não possuem a intenção de aprovações ou reprovações.


  1. Após a conclusão haverá um certificado do curso online eLATAM?

Não, como os cursos são instrutivos e não possuem avaliações, não geram certificados.


  1. Como serão processadas as devoluções de bilhetes após C1?

Durante DDP os bilhetes emitidos no eTAM continuam com o processo atual de devoluções, os bilhetes emitidos no eLATAM deverão ser solicitados através do novo sistema de reembolso (web devoluciones).

Após C2 todos os bilhetes, independente o sistema de emissão deverão ser solicitados através do novo sistema de reembolso (web devoluciones).